sábado, 26 de dezembro de 2015

Vinyland encerra agenda de 2015



O Projeto Zombilly encerra a agenda de eventos em 2015 no Espaço The Joy, na avenida Brasil, 2411, em Maringá. Andye Iore discoteca hoje  (26) com Adriano Haveck na última Vinyland do ano. A festa começa às 19h e vai até o começo da madrugada com entrada gratuita. Os DJ´s vão tocar rock das décadas de 1980 e 1990 somente com discos de vinil.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Personagem de Star Wars é homenagem ao Beastie Boys

Uma das coisas bacanas que muita gente não saca nos filmes de Star Wars são as referencias, os chamados “easter egg”. Um desses no “Despertar da força” está no esquadrão da Resistência.
Um dos pilotos é um alien chamado Ello Asty (à esquerda na imagem), que comanda uma X-Wing. O nome da personagem é uma homenagem à banda The Beastie Boys, que lançou o disco “Hello Nasty” (à direita) em 1998. Ello Asty morre no final da cena. 

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Loverman Barbershop abre as portas

allan-barber (5)
O barbeiro Allan Loverman (foto) anuncia que já está atendendo na Loverman Barbershop. O endereço é na rua Furtado de Mendonça, entre a avenida Brasil e rua Santos Dummont, próximo ao hospital Santa Casa, na Vila Operária.
A história que começou em 2013 com uma quase brincadeira de cortar o próprio cabelo em casa virou profissão. E o sonho de abrir o próprio estabelecimento foi realizado na semana passada. Allan Loverman ainda faz alguns ajustes finais no local, mas já corta cabelo e faz barba.
Em breve também terá decoração especial com motivos de barbearia e rock. E isso é um diferencial para o público de rock que já cortava cabelo na casa de Allan Loverman. Além de um bom papo, ainda curte um hard core e pode tomar uma cerveja com preço camarada.  Você pode marcar seu horário pelo telefone e whats app (44) 9920-5751.
Foto: Andye Iore

The Joy apresenta exposição de miniaturas de Star Wars

star wars06
Os fãs de Star Wars estão ansiosos para a estreia mundial do filme hoje (17). Em Maringá a loja Espaço The Joy apresenta desde o último domingo (13) uma exposição de deixar os fãs da serie de olhos brilhando.

A coleção tem aproximadamente 150 peças com naves, personagens, cenas dos filmes, quadro, máscara, caneca, bottons, CDs, entre outros. As miniaturas tem escalas diferentes, desde minúsculas personagens de 1,5cm até uma nave X-Wing de 1 metro. É a primeira vez que esse material é exposto ao público.
O Espaço The Joy é um bar que reúne conceitos de moda e cultura e fica na avenida Brasil, 2411, em Maringá. A entrada é gratuita para ver a exposição que fica até o próximo sábado (19).
star wars-joy (10)
star wars-joy (11)

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Dicas de eventos no final de semana


• Festival Bruce Lee – durante esse fim de semana e aproxima semana o CineFlix , no Maringa Park, em Maringa, exibe um festival com quatro filmes do Bruce Lee da década de 1970. Os filmes são alternados durante a semana, sempre às 19h30.
• 11 de dezembro, hoje – Almir Rock Band toca Raul Seixas, no Casa da Vó Bar, em Maringá
• 11 e 12 de dezembro - Bazar De Jardim: “Um Giro No Mundo Das Artes”, na rua Cambuquira, 460, em Londrina
• 12 de dezembro, sábado, entre 15h e 20h - Bazar Cultural Crowbar, com feira de discos, bazar, exposições de artes e fotografias e show com Pancho & The Blues Gang, no Crowbar, avenida São Paulo, 330, em Maringá
• 12 de dezembro, às 20h - Shadowplay – festa com sons gothic, cold wave... com DJ Junior Pinhead, no Espaço The Joy, em Maringá
• 12 de dezembro, às 18h – Zombilly no Radio, na UEM FM 106,9
• 12 de dezembro, 22h - show com Them Old Crap, no John O´Groats, em Londrina
• 13 de dezembro, domingo, às 15h –abertura da Exposição com miniaturas de Star Wars, no Espaço The Joy, em Maringá
• 13 de dezembro, às 16h – shows com The Brown Vampire Catz e Kozmic Gorillas, na BarBearia, em Londrina
• 13 de dezembro – Trio Maguje – Forró – no Casa da Vó Bar, em Maringá

• 13 de dezembro, 15h – shows com Ivan Marinheiro, Realidade Nacional, Blueslepsia, Pancho Blues, Maringuetho – no Convés Musical, rua Rio Itajaí, 538, conjunto Branca Vieira, Maringá 
• 16 de dezembro, às 23h59, quarta-feira - Zombilly no Radio, na UEM FM 106,9
• 20 de dezembro, domingo, entre 14h e 19h – Bazar RiverRaid, no Espaço The Joy, em Maringá
• 26 de dezembro, sábado, às 19h - Festa Vinyland com discotecagem com discos de vinil com DJs Andye Iore e Haveck, no Espaço The Joy, em Maringá

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Agenda do final de semana


Final de semana agitado em Maringá e região. Boas opções para todos os gostos os bolsos, incluindo espetáculos gratuitos. Como será em Paraíso do Norte em mais uma iniciativa cultural da prefeitura, destacando a volta de Maciel Salu (foto) que foi uma das principais atrações do festival Paraíso do Rock esse ano. Agora ele toca em praça pública no sábado à noite.
Além disso tem show gringo, evento sobre histórias em quadrinhos, bazar, artes, entre outros, Só escolher e se divertir !

• 26 de novembro, hoje – Bendiction, Holder e PsicoDeath –no Tribos, em Maringá
• 26 de novembro - ska no Moonstomp Day, no BarBearia, em Londrina
• 27, 28 e 29 de novembro – VII Festa das Nações com Banda Brasil 2000 (dia 27), Maciel Salú , Bravo Charlie (28, sabado) e sertanejo (29), gratuito na praça Santos Dummont, em Paraíso do Norte
• 27 de novembro, amanhã – FracaSoul e Teatro das Marionetes, no Casa da Vó Bar, em Maringá
• 28 de novembro, sábado – I Encontro de Colecionadores de Quadrinhos e Action Figures, no Mercado Municipal, em Arapongas
• 28 de novembro – PerimeTrio , no Casa da Vó, em Maringá
• 29 de novembro, domingo – Prolétas, Desgraceria, Distanásia e Rejected, no Tribos, em Maringá
• 29 de novembro – Comida de Boteco e Forró, no Casa da Vó, em Maringá
• 3 de dezembro – inauguração do espaço de artes no Espaço The Joy, em Maringá
• 5 de dezembro – Holocaust in your head 15 com CrotchRot, Your Lies In Check, Desgraceria, Ataque de Tubarão e Sangrano, no Tribos, em Maringá

• 5 e 6 de dezembro – Grand Bazar, no Vale das Palmeiras, em Londrina
• 12 de dezembro – Bazar Cultural , no Crowbar, em Maringá

• 12 de dezembro – ShadowPlay, no Espaço The Joy, em Maringá
Foto: Andye Iore

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Inaugura em Maringá bar com conceito de moda e cultura

O The Joy Pub abriu há sete meses em Maringá e já mudou. O bar que era na avenida Cerro Azul fechou e reinaugura no próximo sábado (21) em novo conceito. A empresa ganhou duas sócias, mudou para um espaço maior e próximo ao centro. Agora o Espaço The Joy atende na avenida Brasil, 2411 (próximo da praça Rocha Pombo) unindo gastronomia, cerveja artesanal, moda e artes.
A reinauguração contará com apresentação da artista Raquel Menegazzo, do Elemento Animação, com pirofagia. O som ficará a cargo da festa Vinyland, com os DJs Haveck, Andye Iore e Potato, que tocarão rock em suas variantes somente com discos de vinil.
Nas prateleiras da parte da loja, há opções variadas com roupas, cintos, bolsas, acessórios, canecas, azulejos decorativos, gibis, bottons, discos de vinil, entre outros. Incluindo marcas maringaenses e de outras cidades. Entre elas Vittrini Rock, Full Dead, Old Style, The Joy, Carmencita e Zombilly.

Além dos eventos musicais, a parte artística também terá uma agenda. Uma das paredes do bar terá uma exposição mensal, destacando artistas locais. A decoração do espaço também tem quadros e fotografias de profissionais maringaenses. Entre eles, Renata Molina, Fabio Dias, Alex Molina, Andye Iore, entre outros que entrarão depois.
A equipe do Espaço The Joy já prepara o primeiro ensaio exclusivo do espaço. O "Volver" apresentará artistas circenses com produção, figurino e fotografia da equipe do estabelecimento. O lançamento será no dia 3 de dezembro.

RANGO - O Espaço The Joy funcionará de dia com a loja e espaço cultural e atendendo como bar também a partir do final da tarde. A parte gastronômica terá lanches e porções, destacando uma carta de cervejas e chopps artesanais, incluindo rótulos locais como Araucária, RedCor e Cathedral, e a curitibana Diabólica, a cerveja do rock na capital paranaense. Entre diversos outros rótulos.

ESPAÇO THE JOY
Inauguração: 21 de novembro de 2015
Horário: entre 18h e 22h
Endereço: Avenida Brasil, 2411
Fone: (44) 3354-8202
Entrada gratuita
Facebook do Espaço The Joy

Fotos: Renata Molina

Banda de um som louco sem rótulo lança compacto

crc-99 noize
A banda curitibana 99NoizeAgain lançará um compacto em vinil em dezembro pelo selo alemão Violent Heartbeat Records. O novo disco “II” (capa abaixo) tem dois sons - “Broken old rules” e “Manfrend” – e sairá em edição limitada de 300 cópias. O 7” é dedicado ao artista Magoo, que participava da cena independente curitibana e morreu atropelado em abril desse ano.
O 99NoizeAgain é um trio com David Ernst (guitarra e vocal), Emiliano Ramirez (bateria e vocal) e Mutant Cox (baixo e vocal). 
A banda foi criada em 2011 e estreou no festival Psycho Carnival 2012. Desde então conquista fãs onde toca com seu rock´n´roll rápido e pesado que mistura influências de psychobilly, surf music, heavy metal e punk rock.
Uma curiosidade é que Nery e David curtiam um som da banda holandesa Peter Pan SpeedRock quando tiveram a ideia de tocar juntos fazendo um som de “rock louco sem rótulo". Eles marcaram um ensaio, fizeram alguns sons e mostraram para o amigo Cox que se identificou e falou que “tava com noizagain”, em referência às parcerias e amizades do rock curitibano.

O trio não costuma tocar muito porque a “concorrência” com as bandas principais de seus músicos é forte: David Ernst é do Krappulas, Emiliano Ramirez toca no Sick Sick Sinners e The Mullet Monster Mafia e Mutant Cox em varias bandas como Hillbilly Rawhide e Sick Sick Sinners.
DISCOGRAFIA - O primeiro disco do 99NoizeAgain foi o single virtual “Dry Snow” lançado em 2013 com três músicas. Depois o EP “Dustrock” lançado no ano passado com seis músicas pela Zombies Union Records. E agora o 7” acaba com a ansiedade dos fãs por sons inéditos. O chicote vai estralar e a caixa de som vai tremer!!!

99NoizeAgain
SITE: http://99noizagain.bandcamp.com
FACEBOOK: @99noizagain
CONTATO: (41) 8893-4485
COMPRAR O DISCO: sentaaporva@gmail.com


Foto: Andye Iore

sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Região central de Maringá ganha opções alternativas

bene01
Um trecho de sete quadras entre a avenida Pedro Taques, no centro, até a Vila Operária, em Maringá, está com boas opções alternativas. São bares, estúdio de tatuagem, moto clube e barbearia. Dois deles inauguram nos próximos dias: Espaço The Joy e Loverman Barbearia.
O primeiro é reinauguração do pub The Joy que ficava na avenida Cerro Azul e passou para um ponto maior, ampliando as opções e serviços como espaço cultural, bar e loja atendendo a partir do dia 21 de novembro na avenida Brasil (confira informações abaixo).
O segundo é o salão Loverman Barbearia, do Allan Loverman, que já vem cortando o cabelo e fazendo a barba de roqueiros maringaenses em sua casa e realiza o sonho de ter seu próprio espaço para atender a clientela perto do Hospital Santa Casa.
Já estão na região o estúdio de tatuagem Benê Tattoo (foto) que há cinco anos atende no número na loja da praça Rocha Pombo, com qualidade e bons preços. E também o pub Pintxos, com boas opções de cervejas artesanais na avenida Pedro Taques. E ainda o Overkill MotoClube que realiza encontros abertos toda quinta-feira com espetinho, cerveja e rock´n´roll na sede na avenida Paissandu. Além de eventos ocasionais. Esse trecho conta ainda com bares convencionais e muitas lojas.
ENDEREÇOS (confira no mapa abaixo):
1 – Pintxos – avenida Pedro Taques, 91 Fone: 8806-0825;
2 – Benê Tattoo - praça Rocha Pombo, . Fone: 3024-9312;
3 – OverKill MC – avenida Paissandu, 400, Vila Operária;
4 – Espaço The Joy – avenida Brasil, 2411 – Fone: 3354-8202;
5 - Loverman Barbearia – rua Furtado Mendonça, entre a rua Santos Dumont e a avenida Brasil – fone: 9920-5751.
mapa-joy

terça-feira, 3 de novembro de 2015

Filme dá roupagem pop melodramática ao bluegrass

O filme “The song” é quase uma paródia da história de Johnny Cash, mas tem um lado musical focado no bluegrass e country, com uma roupagem bem pop. Apesar de não ser original, vale ver, já que tem uma boa trilha sonora.
A história mostra Jed, um musico que não quer viver na sombra do pai, um ídolo da country music, mas que teve uma vida pessoal não muito honrável. Por isso, o jovem músico decide seguir um caminho diferente baseado em questões morais e cristãs. Ele casa, forma família e cai na estrada com a banda tentando criar seu próprio público.

Mas, tudo muda quando seu empresário coloca outra banda para abrir a tour. O outro grupo tem uma vocalista que é meio caminho para a perdição: bonita, sexy, cheia de tatuagens e que tem o hábito de beber demais e tomar umas pílulas estranhas.
O esforçado Jed resiste o quanto pode até seu casamento ir de mal a pior porque ele passa mais tempo na estrada com a banda que em casa com a família.
De bom moço ele passa para garoto problema e vira um típico rebelde pop star até entrar em decadência e ir parar num clínica de recuperação.

Curiosamente, o filme tem muitas semelhanças com “Johnny & June”, desde os aspectos musicais até os dramas familiares cheios de clichês. Musicalmente, foca no gênero bluegrass pop, inclusive com bandas com baixo acústico e banjo.
Um cuidado na produção foi colocar músicos de verdade tocando nas bandas que aparecem no filme. Incluindo a personagem principal que é interpretado por Alan Powell, que também é músico e toca na banda de pop rock gospel Anthem Lights, de Nashville. Ele até participou da serie “Nashville” em 2012.

O filme “The song” tem 1h46 de duração, foi lançado em 2014 e é dirigido por Richard Ramsey, em seu primeiro longa metragem . A trilha sonora é bacana alternando country, bluegrass, folk e pop com músicas de Emmylou Harris, The Byrds, o próprio Alan Powell, entre outros.
Veja o trailer de "The song" .

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

The Brown Vampire Catz encerra pausa e volta a tocar

tbvc-banda

Em breve os fãs da banda londrinense de psychobilly The Brown Vampire Catz matarão a saudade. A pausa dada pelos músicos para se dedicarem a compromissos pessoais está acabando. “Fizemos uma reunião e conversamos muito sobre o futuro da banda”, comentou o vocalista e guitarrista Preto Aranha (à direita na imagem). “Retomamos os ensaios e projetamos algumas ações imediatas”.
Preto Aranha revela que eles trabalham em dois sons novos, sendo um deles uma versão para “Enjoy the silence”, do Depeche Mode. Para quem estranha a diferença de sonoridade entre os grupos, isso não é novidade na história do TBVC. A banda toca The Smiths e The Killers nos shows, já que Preto Aranha também é fã de rock alternativo.
O TBVC planeja fazer mais duas músicas novas e voltar aos palcos ainda esse ano. E, claro, retomar o trabalho do segundo disco, cujas algumas das músicas já eram tocadas nos últimos shows antes da pausa.
Para quem não viu uma apresentação recente do The Brown Vampire Catz, Preto Aranha e o baterista Fabricio ´FatCat´Santesso estão acompanhados do baixista Rangel “Farofa”, músico experiente da cena londrinense, que já tocou com a banda entre 2000 e 2003 e voltou já tendo feito seis shows nessa formação com baixo acústico. O que era uma intenção antiga do grupo. Diz a lenda que eles não lançaram um disco por uma gravadora gringa simplesmente porque não tocavam com baixo acústico. Problema resolvido e mais um impulso para o TBVC voltar a tocar na Europa. 
Fotos: Andye Iore/Zombilly

quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Feira de vinil reúne multidão em galeria

feira sp01
Uma galeria na rua Teodoro Sampaio, em São Paulo, ficou marcada como um dos maiores encontros de fãs e colecionadores de discos de vinil do Brasil. A Feira de Discos de São Paulo no último domingo (18) reuniu aproximadamente 100 expositores de vários estados brasileiros e uma quase incontável quantidade de bolachões, segundo o organizador Márcio Custódio. “Comprei o LP do Paulinho Boca De Cantor, ‘Valeu’, por R$ 30”, comenta Custódio sobre a correria de cuidar do evento e a vontade de ver os discos.

Essa foi a 24ª edição da feira realizada pela loja paulistana Locomotiva Discos, comandada pelos irmãos Custódio, Gilberto e Márcio. Se colocasse no mesmo espaço e tempo todos os visitantes dessa última edição daria para tomar algumas quadras da avenida Paulista e superar a adesão de alguns protestos recentes. A feira abriu às 11h e foi até às 19h30, com intenso movimento durante todo o dia, com expositor com poucos discos numa única caixa, outros com uma verdadeira loja ambulante com dez caixas.
feira sp02
E era LP para tudo quanto é bolso e gosto. Inclusive os ruins. Tinha picture do Joy Division por R$ 250, edição nacional do Pavement por R$ 250 (o dono devia ser muito apegado a esse), a obra prima do punk brasileiro – “Grito Suburbano” – por R$ 500 (num estado zerado, o que tornava mais raro ainda), disco triplo do Johnny Cash por R$ 490, disco novo do Motorhead por R$ 220, entre tantas outras preciosidades. Incluindo aqueles mitos brasileiros como Jorge Ben e Tim Maia a centenas de reais, mas que os roqueiros não pagam nem R$ 0,50 e ainda quebrariam os discos só para ver o desespero dos donos. E, claro, diversas caixas com discos empilhados entre R$ 5 e R$ 10, entre 7” e 12”.
POSE - Outro aspecto positivo da feira de São Paulo em relação a outros pontos do país é a presença de músicos, produtores e celebridades. É bem comum encontrar personalidades do meio musical garimpando e comprando na feira. Como o produtor Apollo IX que se deparou com uma coletânea de bandas brasileiras de música eletrônica e industrial lançada pela Cri Du Chat e que ele produziu em 1993. Quem não conhece vende por uma merreca, quem conhece sabe que vale seus R$ 100. Na feira estava a R$ 70 em estado zerado e que fez com que Apolo posasse com o disco no estande.
feira sp03
Assim como o guitarrista dos Inocentes, Ronaldo Passos, conferiu um disco de sua banda. Já o guitarrista Zé Antônio admirou o segundo álbum de sua banda Pin Ups, “Scrabby?”, custar R$ 165. Isso porque ele não viu quanto estava o primeiro, “Time will burn”, que ronda os R$ 250 quando aparece. “O Pin Ups tá rivalizando com o Jesus and the Mary Chain”, brincou um amigo ao lado com o guitarrista, ao comparar o preço de uma edição gringa dos irmãos Reid em outra banca.
feira sp04
Bacana também é conferir artistas e selos vendendo seus próprios discos na feira paulistana. Assim tinha Daniel Belleza e seu álbum solo de um lado, o selo e loja brasiliense Dom Pedro Discos com albuns bacanas das bandas da capital federal, a Neves Records com boas opções de rock tosquera, a Loop Play com edições caprichadas de música brasileira e black music, entre outros.
A feira de discos de São Paulo começou em 2011. A próxima edição será em novembro com data e local a ser anunciada.

feira sp05

Fotos: Andye Iore/Zombilly

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Luiz Calanca fala sobre mercado fonográfico




Na época da loja maringaense O Porão Discos na década de 1990 o selo Baratos Afins era um dos fornecedores de discos de vinil. Devido aos compromissos comerciais e correrias das viagens a São Paulo nunca tive a oportunidade de conversar além dos negócios com o proprietário Luiz Calanca. Eram sempre encontros rápidos e formais para que eu tivesse tempo de ir a outros lugares.
Resolvi esse ano acabar com essa falha de comunicação e registrar em entrevista no Projeto Zombilly essa personalidade do mercado fonográfico brasileiro. Em agosto passei na Baratos Afins e aguardei até que Calanca pudesse me atender para uma entrevista. Mesmo com interrupções de funcionários e clientes, foi um bate papo bem bacana com aproximadamente 50 minutos de duração.
Calanca parou o trabalho com discos importados que fazia no piso superior da loja na Galeria do Rock e me atendeu numa entrevista descontraída e bem interessante. De óculos escuros e boné do The Jordans, ele falou o atual mercado de vinil brasileiro, das feiras de discos, da imprensa cultural, economia, política, de seu catálogo de discos, entre outros assuntos, resumidos num vídeo com 9min23.
Sempre crítico e bem humorado, ele segue trabalhando mesmo contra recomendação médica devido cirurgia no olho num problema causado pelo glaucoma. “Essas coisas modernas são muito obsoletas. Ficam ultrapassadas num curto espaço de tempo”, comentou a relação da atual tecnologia com os vinis. E não deixou de cutucar a grande mídia por não apresentar uma cultural de qualidade para a população. Além de uma apurada visão política. “Em vez de bater panela, de ‘Fora Dilma’, as pessoas deviam ir atrás de baixar salário de político, do preço do disco...”.
Clique no quadro acima ou no link aqui para ver a entrevista com Luiz Calanca.

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Tasting Room é opção para novos e experientes cervejeiros

mga-tasting04
O mercado de cervejas artesanais é crescente no Brasil chegando até a ter reflexo nas grandes indústrias de cervejas comerciais que tem uma diferença quase abismal de faturamento. A cerveja artesanal já deixou, há muito tempo, de ser aquela cerveja estranha, amarga e mais forte que as bebidas aguadas da Ambev.
E há uma nova prova disso na região. Foi inaugurado na semana passada em Maringá o Tasting Room das cervejarias maringaenses Araucária e RedCor. Depois de anos de pesquisas, testes e suados trabalhos de “formiguinha” para produzir e colocar no mercado seus rótulos, as duas cervejarias locais ganharam prêmios em festivais e agora dão mais um importante passo na revolução cervejeira local.
O novo espaço é uma opção para saborear uma cerveja gelada, bem como aprender mais sobre o universo das cervejas especiais. “Colocamos à disposição dos cervejeiros de Maringá e região os insumos e equipamentos necessários para produção de cerveja em casa”, comentou o sócio e proprietário da RedCor, David Redmerski Junior, sobre aumentar não só o público consumidor como também a quantidade de cerveja local em pequena escala.
E ainda há uma agenda de cursos, eventos culturais e gastronômicos. Como aconteceu na inauguração no último sábado (4) com um café bávaro. “Não somos um bar. O Tasting Room é uma extensão da fábrica para o cliente saber como é a produção”, explica a sommelière e gerente, Andressa Modolo Frigo, ao responder sobre o motivo de abrir o espaço ao lado da fábrica num bairro e não no centro da cidade.
A ocasião também teve uma cerveja exclusiva produzida para o evento. Foi uma West Coast IPA [Indian Pale Ale] vendida na “garrafa refil” (growler) que a pessoa pode levar em outra ocasião para reabastecer e pagar somente pelo líquido. Situação bem comum nas cervejarias artesanais e que o público maringaense pode se acostumar, pois será uma constante no Tasting Room.
SERVIÇO:
Tasting Room Araucária & Red Cor
Horários: segunda a sexta entre 13h e 19h
Quinta entre 13h e 22h
Sábado entre 9h e 13h
Endereço: avenida Américo Belai, 2329, Maringá
Facebook do Tasting Room.

Fotos: Andye Iore

tast-mga01

terça-feira, 6 de outubro de 2015

Novo encontro de carros antigos atrai grande público

porco01
porco02
porco03
porco04

Quem foi ao restaurante Porco no Tacho no último domingo (4) teve uma ótima opção de lazer em Maringá. A primeira edição do Encontro de Carros Antigos conseguiu reunir um ótimo público durante o dia e uma grande variedade de expositores.
Além de carros antigos também havia motonetas, kustom decor, bazar, feira de discos (com participação do Clube do Vinil de Maringá) e miniaturas. Além de cerveja artesanal local e som ambiente de época. A intenção da organização é fazer no local um evento anual e encontros menores ocasionais. Mas, pela participação dos expositores e do público bem que poderia ser mensal, já que há uma carência desse tipo de evento em Maringá.
Os veículos ficaram expostos num terreno ao lado do tradicional restaurante maringaense e a feira/bazar ficou numa área mais abaixo, num barracão, onde também estava o bar. Foi grande a circulação de pessoas da região, inclusive muitas famílias que se divertiram voltando um pouco no tempo. Não só a área interna do evento ficou cheia, como a pista paralela da rodovia BR-376 ficou congestionada com visitantes que se aglomeraram por três quadras.
A variedade de veículos também agradou quem é fã de antigomobilismo. Havia desde os tradicionais Fuscas, passando por hot rod Ford, caminhonetes, calhambeques, entre outros. Confira nas fotos feitas no começo da manhã na abertura do evento.
Fotos: Andye Iore

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Brian Oblivion faz show no Casa da Vó Bar


Hoje começa a segunda parte do Rock in Rio 2015. Mas, em Maringá, tem um show muito melhor que as presepadas que rolam na Cidade do Rock, no Rio de Janeiro. A banda maringaense de surf music Brian Oblivion & Seus Raios Catódicos faz mais um de seus shows ocasionais em Maringá.
O quarteto se apresenta hoje a partir das 23h no Casa da Vó Bar (avenida Euclides da Cunha, 155), com ingresso a apenas R$ 5. “Temos três músicas novas, mas não vamos tocar”, anunciou o guitarrista Gustavo Bordin (à direita na imagem) num típico comentário obliviano. “O repertório de hoje será o do disco ´Conforto acústico´, o EP novo e umas cinco ou seis versões”.

Mesmo assim está bom demais. Apesar de suas aparições esporádicas, a “idosa” banda maringaense já ganha mais fãs e destaques em outros estados. Eles tocaram esse ano na 14ª edição do badalado Primeiro Campeonato Mineiro de Surf.

E foram convidados para participarem da segunda edição da coletânea Weirdo Fervo, com bandas brasileiras de garage, punk e surf music, lançada pela Wildstone Prod. O Brian Oblivion  participará desse disco de vinil com a música “New Hope Theme” ou “Tereza”. A banda ainda debate para escolher e fazer ajustes. A banda venderá no show de hoje o EP “Maristela é meu limite” e camiseta.

terça-feira, 22 de setembro de 2015

The Mullet Monster Mafia lança discos novos


Ficar parada não é com a banda The Mullet Monster Mafia. O trio piracicabano de surf music está sempre na estrada tocando em buracos underground ou participando de festivais gringos. E, claro, ganhando novos fãs a cada show.
Além dos palcos, a banda também tem boa movimentação no estúdio. Já são três discos e eles preparam o lançamento de dois discos em vinil em seguida, conforme anunciamos no programa Zombilly no Radio no começo do mês.
Serão um álbum 12” com 13 músicas, incluindo os dois primeiros discos que já estão esgotados e só saíram em CD – “Power surf orchestra” (2009) e “Dogs of the seas” (2011) - e mais duas canções da “Take one session” gravada com amigos numa parceria entre Urgência Filmes e Milestone Studio, numa serie com bandas tocando em estúdio. E ainda um EP 7” duas músicas inéditas - “Surf´n´goat” (vídeo acima) e “Porno diesel” – que mostram uma pegada ainda mais pesada que a banda já tem. Os discos devem sair até o final do ano.
ORGANIZAÇÃO - O The Mullet Monster Mafia tocou no Projeto Zombilly em Maringá em novembro de 2012. Paralelamente às loucuras das tours, o trio tenta se organizar mais tendo um acompanhante nas viagens, ampliar (e ter disponível) o produtos da banda e até passaram a tocar com set list! Também está prevista na agenda da banda a volta para a Europa para mais uma tour gringa.
O vídeo acima foi gravado na festa de quatro anos da BarBearia, que aconteceu no Cemitério de Automóveis, em Londrina, no último sábado (19).
DISCOGRAFIA
- “Power surf orchestra” (2009)
- “Dogs of the seas” (2011)
- “Clash Of The Irresistible” (2013)
- “Power surf orchestra” / “Dogs of the seas” + bonus (2015)
- New EP (2015)
* Confira página da banda no BandCamp e no Facebook .

Naves do novo filme de Star Wars já estão nas lojas

nave01

O filme “Star Wars: Episódio VII - O Despertar da Força” só estreia no Brasil em 17 de dezembro, mas já há gadgets, acessórios e brinquedos lançados no mercado num trabalho de marketing do filme. Isso graças à Disney ter comprado os direitos da franquia.
Entre os diversos brinquedos está a nave Millennium Falcon (fotos) já disponível nas lojas brasileiras. As naves da serie sempre foram um dos destaques e que mais atraíam fãs. Porém, ou eram em escalas pequenas deixando aquele gostinho de “quero mais” nos fãs ou eram grandes e bem caras, que poucos podiam comprar.
Essa Millennium Falcon em parceria entre a Disney e a Hasbro está no meio termo. Ela mede 23cm x 19cm e custa aproximadamente R$ 59 (comprei a minha na PB Kids, em Maringá). Apesar de não ter recursos - apenas um simples radar para você fixar na parte superior – ela é bem bacana e tem uma ótima relação custo x benefício para os fãs.
DECEPÇÃO – Porém, tudo que é explorado pela indústria cultural, tem seus aspectos ruins. Há uma serie de miniaturas da Hot Wheels que é uma aberração. Os carrinhos tem o corpo normal de veículo e a frente/capô com a cara de uma personagem de Star Wars. É uma das maiores aberrações que eu já vi em colecionismo. E um colecionador serio jamais compraria alguma mini dessa serie.
ESTREIA - O filme “Star Wars: Episódio VII - O Despertar da Força” é dirigido por J.J. Abrams, que já dirigiu outros blockbusters no cinema fantástico como “Super 8” (2011), “Star Trek” (2009), a serie “Lost” , entre outros. E, com certeza, esse novo filme será uma das maiores bilheterias do ano.

quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Quadrinhistas e zineiros expõem em feira cultural

the wild side
A décima edição da Feira do Clube do Vinil de Maringá acontece no próximo sábado (12) no Shopping Cidade Maringá e contará com uma novidade. Será feita uma exposição com quadrinhistas e fanzineiros de Maringá e região. E o mais bacana ainda é que parte dessa exposição será com o “The Wild Side”, o primeiro fanzine de Maringá, que pela primeira vez tem material exposto em público.
Os quadrinhistas maringaenses Christian Sergi, Alan Bariani e Alex Molina, acompanhados de Rogério Curiel, de Mandaguari, apresentarão e venderão seus materiais, como fanzines. Tais artistas têm produções independentes e não ocupam os espaços culturais da prefeitura maringaense. Apesar disso, tem boa visibilidade com contatos e participações em eventos em outras regiões.
E os estilos são os mais variados. Há tiras e charges, histórias em quadrinhos de ficção científica, terror e infantil, entre outras.
DOCUMENTO - O fanzine “The Wild Side” foi editado pelo jornalista Andye Iore entre 1991 e 1994, com colaboradores locais e de outros estados, teve 12 edições e ganhou repercussão em veículos de grande circulação no país como as revistas Animal, Rock Brigade, Bizz, Panacea, entre outras.
É um importante registro da Comunicação maringaense sendo a primeira publicação independente cultural na cidade. Foi a partir do fanzine que o jornalista ganhou colunas culturais em jornais da cidade como Gazeta Maringaense, O Diário e Hoje Maringá. E acabou ampliando o projeto na internet com o site cultural Supers e depois Projeto Zombilly.
A Feira do Clube do Vinil de Maringá será no Shopping Cidade Maringá (avenida Tuiuti, 710), entre 10h e 18h, com entrada gratuita. O evento tem uma feira de discos de vinil, bazar cultural e também outras exposições de artes e fotografias.
rogerio curiel
christian sergi
alex molina
alan bariani

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Time de futebol recebe e homenageia refugiados


O time de futebol alemão St Pauli deu mais um exemplo de cidadania. Ele fez um amistoso hoje (8) à tarde, em Hamburgo, contra o Borussia Dortmund em homenagem aos refugiados europeus e árabes. O jogo terminou 2 a 1 para os visitantes (que lideram a primeira divisão alemã), mas os donos da casa deram uma goleada na arquibancada.
O jogo teve um público de 25.731 torcedores, sendo que 1 mil eram de refugiados convidados. O evento foi batizado de “Bem vindos refugiados” e parte desses imigrantes foram abrigados em Hamurgo nos últimos dias.

Havia vários cartazes espalhados pela arquibancada com frase de boas vindas aos refugiados. Mesma frase que estampou a camiseta que o St Pauli entrou em campo. A Alemanha deve ser o país que mais receberá refugiados até o final do ano, numa estimativa de 800 mil pessoas chegando de outros países em crise ou em guerra.

CULT - O St Pauli está na segunda divisão alemã. O clube, tradicionalmente, é um fiasco em campo. Mas, tem muitos fãs e torcedores ao redor do mundo. Justamente por suas iniciativas sociais e pelas minorias.
A equipe entra em campo ao som de “Hells bells”, do AC/DC (no som ambiente do estádio), e a torcida comemora os gols cantando rock.

O time existe desde 1900 e em suas mudanças de diretoria no decorrer da história, um presidente decidiu no estatuto proibir manifestações de preconceito contra minorias.
Por isso, o time tem na torcida muitos roqueiros que se identificaram com a postura humanitária. O que destoava de tudo numa Alemanha nazista.
O St. Pauli é tão cultuado entre a juventude que a Nike até lançou uma edição limitada de um sneaker com a caveira símbolo do time.

Com informações do site do St Pauli / Fotos: St Pauli/Divulgação

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Noite de psychobilly em São Paulo


Amanhã (15) tem o psychobilly como grande atração em dois eventos na noite paulistana. O principal será o show de 30 anos da banda Kães Vadius, no Inferno Club. O show faz parte da sexta edição da festa Psycho Attack que contará com abertura do Bad Luck Gamblers e a volta da Voodoo Stompers. Esse evento é no esquema cedo, começando às 18h.
O Kães Vadius está na ativa com shows e também com músicas novas. O baterista Fabio Koveiro sofreu um acidente de moto e não poderá tocar o tempo todo. Ele será parcialmente substituído por Renan, do Bad Luck Gamblers. “Vamos mesclar os discos nesse show de aniversário”, comentou o vocalista Huk´a´billy. “A formação para esse show terá o Sandro no saxofone e Fabio e Renan [do Bad Luck Gamblers] dividindo a batera. As clássicas o Renan vai segurar a batera e as mais recentes o Fabio”.

O outro show em São Paulo é dos curitibanos do Ovos Presley, com abertura do Voodoo Brothers, que tocam no Spades Café, no horário tradicional de fim de noite. Ou seja, rola de ir nos dois eventos, já que os bares são próximos e dá pra ir andando.
O Ovos Presley divulga o compacto split com a banda Psychors, que tem as músicas “Apodrecer” e “Maldito cupido”, já conhecidas dos fãs e que ganhou uma produção bacana num vinil amarelo. A banda já tem algumas músicas novas, mas está focada na produção de um documentário. “O vídeo vai mostrar os nossos mais de 20 anos de atividade. Quem tiver material, mande para nós. Vale até gravação tosca de celular [risos]”, comenta o guitarrista Wallace Barreto.


ENDEREÇOS:
Inferno Club – rua Augusta, 501
Spades Café – rua Augusta, 339
Fotos: Andye Iore

quinta-feira, 30 de julho de 2015

Luna volta para tour e relança discos em vinil

luna02

A banda Luna se reuniu para alguns shows e terá sua discografia da década de 1990 relançada em vinil (imagem à direita). O grupo de Dean Wareham (foto à esquerda) acabou em 2005 e eles se reuniram no ano passado para alguns shows ocasionais e acabaram de anunciar uma tour com 22 shows que começou no mês passado e segue até outubro nos Estados Unidos e Europa. “Não estamos planejando músicas novas. Temos muitas boas canções antigas”, comentou Dean Wareham ao Projeto Zombilly sobre as novidades.
Para celebrar a volta oficial, será lançado um box com seis discos em vinil branco chamado “Long Players: '92 - '99”. São seis discos de estúdio mais uma coletânea de raridades com dez músicas. O box traz ainda um livro com fotos e entrevistas sobre a banda. A previsão é do box sair na metade do segundo semestre.
Os discos do box são: “Lunapark” (1992), “Bewitched” (1994), “Penthouse” (1995), “Pup Tent” (1997), “The Days of Our Nights” (1999) e “Rarities”. Ficaram de for a os quarto últimos discos lançados após 2000: “Luna Live” (2001), “Close Cover Before Striking” (2002), “Romantica” (2002) e “Rendezvous” (2004).
O casal Dean Wareham e Britta Philips seguem tocando como Dean & Britta. Além de vários outros projetos como atuação em filmes, a trilha sonora da comédia “Misstress America”, fitas cassete com músicas solo de Dean Warehan, entre outros.
O Luna fez uma tour no Brasil em 2001, quando passou por Londrina (PR). E Dean Wareham foi entrevistado pelo Projeto Zombilly. Leia a entrevista.
Foto do Luna: Andye Iore / Foto dos discos: Divulgação

quinta-feira, 23 de julho de 2015

The Joy Pub apresenta terceira edição da Vinyland

vinyland03
Será realizada no próximo sábado (25) a terceira edição da festa Vinyland, no The Joy Pub & Store, em Maringá. A festa tem discotecagem somente com vinil, focando nas décadas de 1980 e 1990. Os DJs Andye Iore e Adriano Haveck fazem sets de rock, gothic, psychobilly, garage, punk, alternativo, entre outros gêneros.

A noite é aberta às 19 horas com sons mais sossegados e termina por volta da 1h da madrugada com um set mais pesado de gothic, EBM, industrial,dark wave, lembrando os tempos da saudosa loja O Porão Discos na cidade. A festa rola num clima de descontração, como uma reunião de amigos, inclusive com um microfone plugado na mesa de som com os DJs interagindo com o público no bar e atendendo pedidos na hora, como se fosse um programa de rádio ao vivo.
A entrada é gratuita. O The Joy Pub & Store tem uma ampla carta de cerveja artesanal – inclusive rótulos locais – e boas opções de gastronomia. A festa Vinyland acontece sempre no último sábado do mês e também tem um bazar cultural com roupas, discos de vinil, acessórios e bottons da Carmencita e Zombilly. O The Joy Pub & Store fica na avenida Cerro Azul, 258, ao lado da praça de patinação (banks).
Fotos abaixo da segunda edição da Vinlyland realizada em junho:
vinyland-julho05

vinyland-julho04

terça-feira, 14 de julho de 2015

Um festival de amizades e intercâmbio cultural



O festival Paraíso do Rock 2015 foi um dos mais interessantes de sua história. Apesar do temporal que caiu na noite de sexta-feira (10), o saldo foi extremamente positivo na oitava edição. No geral, o evento foi um encontro cultural num grande intercâmbio de culturas e hábitos diferentes. Gente do Nordeste acostumada com calor andando agasalhado e passando frio, gente do Sul acostumada com o frio andando de bermuda e camiseta, uruguaios ensaiando frases em português, sotaques misturando o “visse” com o “ishperrrto”, o “tchê” com o “orra meo”, o “piá” com “poirrrtão”, churrasco com picanhas mal passadas, suculenta feijoada transbordando linguiça e bacon, cervejas artesanais para todos os paladares, debate sobre o rock independente brasileiro com experiências regionais e internacionais, entre tantas outras situações.
No vídeo acima você tem uma pequena mostra de tudo isso que rolou em apenas dois dias em Paraíso do Norte, pequena cidade do Noroeste paranaense com apenas 13 mil habitantes. E, apesar de deslocada no mapa cultural, consegue realizar (e manter) um festival de rock autoral que nem cidades maiores do estado conseguem. E, quando tentam, só fazem passar vergonha colocando bandas covers ridículas no meio do line up.
Paraíso do Rock não só NÃO tem preocupação em apresentar bandas de apelo comercial para atrair mais “público”, como faz questão de manter uma linha com bandas clássicas do rock´n´roll, bandas do , bandas da região e uma interação com países do Mercosul, trazendo bandas completamente desconhecidas na região.
Tudo isso a um preço mais ridículo que as bandas covers: R$ 30 para os dois dias do evento. E ainda com boa estrutura, grande divulgação na mídia, organização e equipamento bom. E, claro, um grande clima de camaradagem que faz com que os músicos desejem voltar a tocar na cidade.
LINE UP - Bandas que tocaram esse ano: Autoramas (RJ), Molina y Los Cosmicos (Uruguai), Maciel Salú (PE), Tenente Cascavel & Frank Jorge (RS), The Mullet Monster Mafia (SP), Cavernoso Viñon (PR), Sollado Brazilian Groove (PR) e Elemento Principal (PR). E nas festas Pré-Paraíso: Daniel Belleza (SP), The Jalmas (RS) e Marquinhos Diet (PR).
Entre os convidados que participaram do debate estavam: Paulo André (Abril ProRock), Marcelo Costa (Scream & Yell), Marcelo Domingues (DemoSul), Nery (MamuteProd) e Andye Iore (Zombilly).

quinta-feira, 2 de julho de 2015

Zombilly no Radio – Especial – Paraíso do Rock 2015

paraiso do rock 2015
O programa Zombilly no Radio dessa semana é um especial sobre o festival Paraíso do Rock 2015. O evento acontecerá nos dias 10 e 11 de julho e mais uma vez o Projeto Zombilly participa dessa grande festa do rock autoral independente. Vamos tocar um pouco das bandas - incluindo um lançamento - que estarão no festival esse ano que tem um dos melhores line ups até agora.
Saiba mais sobre o Paraíso do Rock 2015.
Track list:
Abertura
Daniel Belleza & OCF- Aonde estão as flores da sua cabeça?
Sollado Brazilian Groove - Real Estrado

Maciel Salu - Na Luz do Carbureto
Molina y Los Cósmicos - Pequeñas Cosas
Molina y los Cósmicos - En el fin del mundo
The Muller Monster Mafia (foto) – Walderama
The Muller Monster Mafia – Porno Diesel (lançamento)
Os Cascavelletes - Morte Por Tesão
Os Cascavelletes - Nega bombom
TNT - Cachorro Louco
TNT - Ana Banana
Autoramas - A 300km/h
Autoramas - Música De Amor
Autoramas - Hotel Cervantes

Autoramas – Paciência
Encerramento
Zombilly no Radio – Especial – Paraíso do Rock 2015
Vinhetas: Autoramas, The Mullet Monster Mafia, Tenente Cascavel, Maciel Salu e Beto Vizzotto
Duração: 1h03
Data: 4 de julho de 2015, sábado às 18h;
Reprise 8 de julho de 2015, quarta-feira às 23h59
Acervo, pesquisa, apresentação e edição: Andye Iore
Coordenação: Paulino Junior
UEM FM 106,9. Para ouvir no dia pelo site da UEM FM

terça-feira, 30 de junho de 2015

Fazendo a cabeça dos roqueiros da cidade

allan05
O que começou como uma brincadeira está prestes a virar profissão para Allan Ribeiro (foto acima). O baterista das bandas maringaenses de hard core Drawtheline e Comsequencia começou a cortar o próprio cabelo em 2013 com uma máquina. Depois, os amigos de banda começaram a pedir também e de tanto cortar o cabelo dos camaradas, hoje Allan Ribeiro atende em casa com hora marcada e revela fazer, em media, três cortes diariamente. Sempre ao som de rock na caixa de som. “Gostamos do corte vintage e sempre ficava uma merda. Mas, foi indo e indo...”, lembra o barbeiro roqueiro sobre o começo.

Além da divulgação feita pelos amigos, Allan Ribeiro começou a publicar fotos de seus cortes no Facebook como Loverman Barbershop e isso também ajudou a chamar mais clientes. “Decidi ser um barbeiro e estou correndo atrás disso agora”. Entre as possibilidades está dividir um ponto com um amigo tatuador, abrindo uma barbearia com estúdio de tatuagem.
* Confira a página no Facebook do Loverman Barbershop.* Contato: (44) 9920-5751.
topete-jun04

segunda-feira, 22 de junho de 2015

Uma preciosidade instrumental dos Spotnicks

disco-spotnicks
Uma das aquisições mais bacanas na feira do Clube do Vinil de Maringá foi o compacto da banda The Spotnicks. A banda de música instrumental é um quarteto da Suécia formado no final da década de 1958. Apesar de não ser muito conhecida, a banda gravou 42 discos e vendeu mais de 18 milhões de cópias, disputando os palcos na época com The Shadows e The Ventures e influenciando muitas bandas de surf music no decorrer dos anos.
Não só na sonoridade, como também no visual. A banda com nome do satélite russo explorava o conceito de ficção científica batizando suas canções com nomes relacionados a filmes futurísticos e os músicos se apresentavam usando roupas de astronautas.A banda já teve diversas formações e ocasionalmente se reúne para turnês, tendo tocado na Europa no ano passado como quinteto.
Essa edição das imagens é um compacto duplo lançado na Alemanha em 1964. São dois discos de 45RPM com uma música em cada lado: Amapola, Johnny Guitar, Havah Nagila e Orange Blossom Special.
O disco foi comprado na Melomano Discos, um dos expositores do Clube do Vinil de Maringá. Tocarei esse disco no programa Zombilly no Radio.
* Veja vídeo de "Rocket man", com The Spotnicks.

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Zombilly no Radio – Especial Ska

ska jun 2015
O programa Zombilly no Radio dessa semana é um especial sobre ska. Voltamos a fazer outro programa sobre esse gênero bem bacana e que está sempre presente em nosso projeto, seja aqui no radio, no nosso blog ou nos eventos. Dessa vez fizemos uma seleção do nosso acervo reunido raridades em ska roots, clássicos do ska e também algumas curiosidades.
Boa diversão!
TRACK LIST:
Abertura
Gangsters - We are the gangsters
Desmond Dekker - Get up Edina
Owen Silveras - Want me cock
Prince Buster - Flying ska
Toots and the Maytals - Sweet and dandy
The Specials - Ghost town
The Specials - You're wondering now
The Specials – Why
The Specials - Monkey man
Lee Perry - Dreadlocks in moonlight
Natural-Ites - Picture on the wall
Bodysnatchers - Let's do rock steady
The Selecter - Carry go bring home
The Beat - Ranking full stop
Bad Manners - Skaville UK
The Clash - Pressure drop
Tim Timebomb and Friends - Ooh La La
Encerramento
Zombilly no Radio – Especial Ska
Duração: 1h01
Data: 20 de junho de 2015, sábado às 18h;
Reprise 24 de junho de 2015, quarta-feira às 23h59
Acervo, pesquisa, apresentação e edição: Andye Iore
Coordenação: Paulino Junior
UEM FM 106,9. Para ouvir no dia pelo site da UEM FM .

quarta-feira, 17 de junho de 2015

Festa Vinyland realiza segunda edição

vinyland01
A festa Vinyland fará sua segunda edição no The Joy Pub & Store no dia 27 de junho, sábado, entre 19h e meia noite, com entrada gratuita. Os DJs dessa edição são Andye Iore, Adriano Haveck e Bulla Jr.
O evento mensal reúne amigos fãs de discos de vinil para discotecagem com discos das décadas de 1980 e 1990, com muito rock tosquera, gothic, garage, rockabilly, alternativo, entre outros. E tudo somente com discos de vinil, sem nada de MP3 ou CD. A festa tem DJs convidados e horário cedo para que a "velha guarda" possa participar e voltar para casa cedo ou poder ir para outras baladas.
A primeira edição foi realizada em maio com os DJs Andye Iore, Adriano Haveck e Potato (fotos), com muita diversão e bom papo. Além das cervejas artesanais e petiscos do bar.
O The Joy Pub & Store fica na avenida Cerro Azul, 258, próximo da praça de patinação, em Maringá.

vinyland-maio01

sexta-feira, 12 de junho de 2015

Paraíso do Rock ganha cerveja personalizada

paraiso-araicaria

Depois de se consolidar como o mais autentico festival de rock independente do Paraná (pela sua continuidade e sem banda cover e sem oportunismo comercial) o festival Paraíso do Rock , em Paraíso do Norte (a aproximadamente 80km de Maringá) está mais charmoso agora. A oitava edição apresentará a Cerveja do Paraíso. Será vendido nessa edição um chopp exclusivo produzido pela premiada cervejaria maringaense Araucária. Será um chopp pilsen com um toque particular do estilo da Araucária. “Vamos fazer essa cerveja só pro festival mesmo”, anunciou o cervejeiro Rodrigo Frigo (foto).
INGRESSOS – A organização do Paraíso do Rock já disponibilizou os ingressos antecipados para o festival. O ingresso para um dia custa R$ 30 e o pacote para os dois dias tem preço promocional também por R$ 30 antecipado e limitado. Vale ressaltar que o festival dispõe de área de camping. Os pontos de venda de ingressos são:
- em Maringá no The Joy Pub & Store, avenida Cerro Azul, 258;
- em Cianorte no O Buraco SeboBar, rua Ipiranga, 410, centro;
- em Londrina pelo fone (44) 9962-0555 (o código é 44 mesmo).
O Paraíso do Rock fará uma festa de divulgação do festival no dia 4 de julho, com show solo acústico de Daniel Belleza e a nona edição da feira do Clube do Vinil de Maringá. A festa será no The joy Pub & Store, em Maringá.
LINE UP PARAÍSO DO ROCK 2015
• DIA 10 DE JULHO, SEXTA
 Molina y Los Cosmicos, Tenente Cascavel & Frank Jorge, Cavernoso Viñon, Elemento Principal
• DIA 11 DE JULHO, SÁBADO
 Autoramas, Maciel Salú, The Mullet Monster Mafia, Sollado Brazilian Groove
Saiba mais sobre o Paraíso do Rock 2015.
Foto: Andye Iore

sexta-feira, 29 de maio de 2015

Bazar Kustom reúne fãs de discos, motos e carros antigos

bazar06
Será realizado no próximo domingo (31) em Maringá a segunda edição do Garage Sale Kustom Shop. O evento será no Eden Beer (na avenida Laguna, 1520) entre 13h e 20h com entrada gratuita e reunirá diversos expositores do Paraná sobre a kultura kustom, uma feira do Clube do Vinil de Maringá e shows com bandas de rock. “Tivemos um fortalecimento na Kultura Kustom em Maringá e, por isso, esperamos um público maior que na edição do evento no ano passado”, comentou o organizador Erick Gagliardi, que também é presidente do Overkill Moto Clube. “Fizemos parcerias com expositores e fãs de kustom da nossa região para ajudar no evento”.

Serão aproximadamente 20 expositores de Maringá, Curitiba, Cianorte, Arapongas e Londrina com produtos ligados à kustom kulture como roupas, capacetes, acessórios, decoração, entre outros. Além da exposição de motocicletas e carros antigos.
DISCOS – Também haverá uma edição especial da feira do Clube do Vinil de Maringá dentro do evento. Essa será a oitava edição da feira maringaense que reúne colecionadores de discos de vinil da região com um ótimo acervo com muitas raridades e também discos novos, variando entre rock, MPB, RAP, reggae, eletrônico, entre outros gêneros.
Informações sobre o GarageSaleKustom Shop: (44) 9945-4192 ou 9129-5800.

Foto: Andye Iore

sábado, 23 de maio de 2015

Festival em Maringá reúne cervejeiros do Paraná

cerveja-david
Maringá será sede hoje (23) do primeiro festival de cervejeiros da região. O I Festival da Cerveja de Maringá é organizado pela Associação das Microcervejarias do Paraná – Procerva e acontecerá no EdenBeer, (avenida Laguna, 1520) com a participação de 35 rótulos de cervejas artesanais paranaenses. “Queremos mostrar ao público de Maringá e região a diversidade e qualidade de cervejas produzidas aqui no Paraná”, anunciou David Redmerski Junior (foto), 43 anos, um dos organizadores e também cervejeiro.

Os ingressos para o I Festival da Cerveja de Maringá custam entre R$ 50 e R$ 70 (dependendo do lote) incluindo parte de consumação e um copo do evento. Fora a consumação, haverá cerveja vendida entre R$ 3, R$ 5 e R$ 7 no copo de 150ml. E também opções de alimentos e shows de rock e blues.Maringá está num estágio avançado de produção de cerveja artesanal. A Confraria dos Cervejeiros Artesanais do Norte e Noroeste do Paraná reúne aproximadamente 50 cervejeiros num encontro mensal e já tem quatro marcas com cerca de 15 rótulos de cerveja e chopp à venda nos bares da cidade. São elas Araucária, Catedral, EdenBeer e RedCor.

DIFERENÇA - O auxiliar de escritório David Redmerski Junior começou a gostar de cerveja artesanal em 2013 depois de uma viagem ao Rio Grande do Sul. “Tomei uma cerveja local e depois pedimos uma famosa de marca. Fiquei impressionado com a diferença”, lembra.

E aí ele não parou mais até começar a fazer sua própria cerveja. A RedCor estará presente no festival cervejeiro com três rótulos: a Ryequeoparta, que é uma Black Rye IPA de 7% ABV (teor alcoolico) e 100 IBUs (InternationalBitterness Unit, que é a escala de amargor); a Intrigante, que é uma American Wheat, com 5,2% ABV e 30 IBUs; uma Worker IPA feita em parceria com a Araucária. Apesar de novata, a Ryequeoparta já é premiada. Ela foi medalha de ouro no Festival Brasileiro da Cerveja de Blumenau desse ano, na categoria Cervejas de Centeio, e conquistou o terceiro lugar como Melhor Cerveja do Festival.
Informações sobre o I Festival de Cerveja de Maringá (44) 9982-1029.

Foto: Andye Iore

quinta-feira, 21 de maio de 2015

The Joy Pub divulga agenda de eventos

joy-maio
O The Joy Pub & Store divulgou essa semana uma agenda de eventos. O local já ganha destaque como boa opção de cultura e gastronomia em Maringá, destacando a ampla carta de cervejas artesanais, incluindo rótulos locais. O bar já recebeu com sucesso a feira do Clube do Vinil de Maringá no último dia 9, com ótimo público.
Hoje tem Funk Off com discotecagem de black music, amanhã (22) rola uma sessão nostalgia com muitos sons bacanas das décadas de 1980 e 1990 com os DJs Andye Iore (Projeto Zombilly), Haveck e Potato caprichando no set somente com discos de vinil e no dia 29 de maio tem inauguração do Espaço Vendinha da Carmencita no The Joy Pyb & Store.
A entrada é gratuita. O The Joy Pub & Store fica na avenida Cerro Azul, 258, próxima da Praça de Patinação. O bar abre às 17h.